Rotas e Roteiros

1 – Porto Alegre a capital do gaúchos

Centro político e administrativo do Rio Grande do Sul, estrategicamente localizada no coração do Mercosul, Porto Alegre é uma metrópole fortemente influenciada por 25 etnias - um traço que faz da cidade um pedaço diferente do Brasil e um destino turístico singular. Hospitalidade, efervescência cultural e excelentes serviços: você encontra tudo nesta capital, internacionalmente reconhecida pela sua competência em realizar e receber eventos.

Principais Roteiros:

City Tour Linha Turismo - Conheça os 20 principais atrativos turísticos da Capital dos Gaúchos através de um passeio na Linha Turismo de Porto Alegre.

Caminhos Rurais: Segunda capital com maior área rural do Brasil oferece lazer em 41 empreendimentos turísticos da Zona Sul.

Caminho dos Antiquários - Um shopping a céu aberto com lojas de antiguidades e presentes, cafés e bares.

Aos sábados, feira na rua e atrações culturais das 10h às 16h.

Passeios Náuticos - Para ver uma vista diferente da cidade, passear pelos canais do Delta do Jacuí e ver o pôr do sol do Guaíba. Os barcos turísticos que partem do cais da Usina do Gasômetro e do portão central do Cais do Porto.

Roteiro Cultural - Opções para teatro, dança, concertos, saraus e shows, nacionais e internacionais.

Abrir todas as rotas

Porto Alegre

2 - Rota Caminho das Origens -Regiões Turísticas Central e Missões

Conheça os atrativos pré-históricos, históricos e naturais da região Central e região das Missões, que representam uma verdadeira volta ao passado geológico e à formação étnico-cultural do povo gaúcho.

Não deixe de ver:

Nova Esperança do Sul, cidade de colonização italiana, que tem sua economia baseada na indústria coureiro calçadista.

Mata: cidade da pedra que foi madeira. Maior reserva paleobotânica do planeta, com fossilizados de 200 milhões de anos.

São Miguel das Missões: ruínas missioneiras. Patrimônio mundial

Santa Maria: cidade universitária, berço dos dinossauros e coração do Rio Grande do Sul.

Abrir todas as rotas

BossorocaCacequiCapão do CipóJaguaríMataNova Esperança do SulSantiagoSão Franscisco de AssisSão Pedro do Sul

3 – Caminho Farroupilha, Cultura e Tradição Gaúcha Regiões Turísticas Costa Doce e Pampa Gaúcho

Percorre as regiões que foram cenários do principal acontecimento político-militar do Sul do Brasil no século XIX, a Revolução Farroupilha (1835-1845). Estâncias, museus e charqueadas, oferecendo emocionantes passeios temáticos e a autêntica vivência nas lidas campeiras. Excelente oportunidade para conhecer mais sobre este importante episódio da história do Rio Grande do Sul.

Não deixe de ver:

-Praia do Cassino, Molhes da Barra e o Complexo de Museus de Rio Grande;

- Passeios Temáticos de Piratini e Pelotas;

- Sítio Água Grande, antiga morada de Barbosa Lessa, em Camaquã. Sítio Histórico e Cipreste Farroupilha em Guaíba;

- Construção Artesanal de Embarcações nos Estaleiros de São Lourenço do Sul;

- Antigas Charqueadas e Estâncias que abrigaram os Líderes Farroupilhas;

- Maravilhas da Laguna dos Patos;

- Artesanato Típico Regional da Coleção Bichos do Mar de Dentro.

Abrir todas as rotas

AlegreteBagéCaçapava do SulCamaquãGuaíbaPorto AlegreRio GrandeRosário do SulSantana do LivramentoSão GabrielSão José do NorteSão Lourenço do Sul

4 - Caminhos de Santiago do Brasil - Roteiro Missões Regiões Central e Missões

Roteiro Místico e Religioso que vai levar você a um mundo de encanto, magia, contemplação e reflexão. São 147 km em meio ao verde da natureza da região missioneira do Rio Grande do Sul. Você poderá desfrutar da hospitalidade das comunidades, da mais autêntica comida campeira, com alojamentos e um merecido descanso ao peregrino.

Não deixe de ver

- A Capela São Tiago, marco que deu nome à cidade de Santiago, em homenagem ao Santo Jacobeu;

- Sítio Arqueológico da Estância Jesuítica do Sobrado, construção de pedra que abriga uma senzala original, em Bossoroca;

- O Museu das Missões que reúne a maior coleção pública de imagens sacras e fragmentos missioneiros do MERCOSUL, junto ao Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo;

- E conversar com índios guaranis da Aldeia Alvorecer Tekoa Koenjú, em São Miguel das Missões.

Abrir todas as rotas

BossorocaCapão do CipóSantiagoSão Miguel das Missões

5 - Caminhos do Yucumã -Região Yucumã

O roteiro consiste numa viagem pela região Noroeste do estado, relacionando a ecologia, através de balneários e parques naturais às atividades agropastoris e agroindustriais. As opções de entretenimento estão intrinsecamente ligadas às tradições culturais das diversas etnias, com ênfase nos rodeios, exposições agropecuárias e festas populares que ocorrem nas pequenas comunidades agrícolas.

Não deixe de ver:

- O Parque Estadual do Turvo com a sua diversidade de flora e fauna, bem como o Salto do Yucumã, uma das maravilhas naturais do país;

- Conhecer as indústrias de confecção e malharias de Três Passos, onde o visitante poderá comprar diretamente de fábrica, além de visitar o Santuário dos Mártires do Alto Uruguai, que retrata a história marcada pela fé e a conquista de um lugar selvagem;

- Visitar a Reserva do Guarita, no município de Redentora, que se destaca pela marcante presença da etnia Kaigang – 40% da população. ;

- Vivenciar a diversidade étnica de Ijuí e apreciar os monumentos de Tenente Portela

Abrir todas as rotas

BossorocaCapão do CipóSantiagoSão Miguel das Missões

6 – Rota das Aguas e das Pedras Preciosas

A Rota oferece o contato com a natureza, rica em paisagens naturais e campestres, destacando-se o brilho das Pedras Preciosas, a pureza das Águas Minerais e Termais e a Lama Negra Medicinal, aliados à diversificada gastronomia e à cultura dos imigrantes que colonizaram a Região.

Não deixe de:

- Aproveitar as Águas Minerais e Termais, bem como a Lama Negra com propriedades curativas, fonte de beleza e saúde, em Irai e Vicente Dutra;

- Visitar o Ametista Parque Museu que surpreende pela variedade e raridade das pedras expostas e que permite conhecer o processo de extração da ametista no interior das galerias subterrâneas, além de energizar-se física, mental e espiritualmente em pirâmide construída na praça central, em Ametista do Sul. Saiba mais: http://www.ametistaparque.com.br/

- Apreciar a arquitetura neogótica com arcos ogivas, abóboda com nervuras e pinturas sacras da Catedral Diocesana Santo Antônio, em Frederico Westphalen.

- Caminho dos Mártires do Rio Grande do Sul. De Nonoai, terra dos Mártires à Três Passos, terra do Martírio. 180 km de muita fé e graças, conhecendo templos, igrejas e santuários.

Abrir todas as rotas

Ametista do SulCaiçaraFrederico WestphalenIraíPalmitinhoTaquaruçuVicente Dutra

7 – Rota das Terras

Municipios: Alto Alegre, Boa Vista do Cadeado, Boa Vista do Incra, Carazinho, Colorado, Cruz Alta, Ernestina, Fortaleza dos Valos, Ibirubá, Jacuizinho, Lagoa dos Três Cantos, Quinze de Novembro, Saldanha Marinho, Salto do Jacuí, Santa Bárbara do Sul, Selbach, Tapera e Tio Hugo.

A religiosidade ganha espaço nas romarias, tanto terrestres quanto fluviais e são práticas constantes, tornando-se atrativo turístico juntamente com a bela arquitetura representada pelos templos religiosos.

Não deixe de ver:

- A Rota Della Cuccagna, em Tapera, roteiro composto por dez pontos que retratam a influência da cultura italiana;

- No município de Selbach, o Mini Parque Encantado Rota das Terras, um refúgio com verdadeiras obras-prima- Em Quinze de Novembro, o Museu de Ciências, com diversas espécies de animais empalhados e os diversos balneários e áreas de lazer como a prática de esportes náuticos e passeios de barco às margens do Maior Lago Artificial do Estado, o Passo Real;s, onde o visitante poderá ver a miniatura dos principais atrativos locais diminuídos 22 vezes na região;

- Museu Érico Veríssimo, no local onde o grande viveu durante vários anos e onde estão suas principais obras e objetos pessoais, assim como o monumento de Nossa Senhora de Fátima, dois pontos de grande importância localizados no município de Cruz Alta.

Abrir todas as rotas

Alto AlegreBoa Vista do CadeadoBoa Vista do IncraCarazinhoColoradoCruz AltaFortaleza dos ValosIbirubáJacuzinhoLagoa dos Três CantosQuinze de NovembroSaldanha MarinhoSanta Bárbara do SulSelbachTaperaTio Hugo

8 – Rota do Chimarrão -Região Turística Vales

A Região do Vale do Rio Pardo, a Rota do Chimarrão é um passeio típico da cultura gaúcha, que preserva a colonização alemã e onde o visitante poderá observar a arquitetura antiga e a gastronomia colonial.

Floriculturas, agroindústria, restaurante, balneários, artesanato e turismo religioso estão presentes no roteiro.

Não deixe de ver:

- A Escola do Chimarrão onde se aprende tudo sobre a bebida mais tradicional dos gaúchos. Além de palestra, oficina para aprender a fazer 36 tipos de chimarrão sem entupir a bomba.

- A Igreja São Sebastião Mártir, localizada no coração da cidade, no Largo do Chimarrão e representa o principal monumento histórico de Venâncio Aires.

- O Museu de Venâncio Aires, no Edifício Storck, que traz guardada a história do município, documentos, fotografias, exposições permanentes e temporárias e projetos educacionais e culturais.

Abrir todas as rotas

Venâncio Aires

9 – Rota Gastronomica Santa Maria/Silveira Martins

Percorrer a Rota é fazer um passeio inesquecível. O portal da Quarta Colônia, Arroio Grande - 4o Distrito de Santa Maria e o berço da colonização italiana, Silveira Martins, encantam os visitantes pela natureza formada por belos vales e paisagens exuberantes; pela história preservada nas construções do início do século; por seu povo acolhedor e fiel as suas origens e pela deliciosa cozinha italiana que tempera o cardápio dos restaurantes da região. Junte a família, convide os amigos e embarquem neste belo e saboroso passeio.

Não deixe de ver:

- O Conjunto Histórico da Pompéia: Capela construída pelo italiano Vincenzo Guerra, em 1907, em estilo romântico inspirado nas igrejas italianas.

- A Olaria da Família Guerra, que forneceu telhas e tijolos para construções de toda a Quarta Colônia;

- Cantina Pozzobom, dois serviços gastronômicos que bem representam os sabores da Região;

- Em Santa Maria, as fábricas de facas que oferecem visitação agendada, além de show room e comercialização dos produtos que aliam o processo de Facas Coqueiro.

Abrir todas as rotas

Santa MariaSilveira Martins

10 – Rota Gemas e Joias – Regiões Turísticas Hidrominerais, Porto Alegre, Serra Gaúcha e Vales

A Rota destaca a cadeia de produção das gemas e joias, com destaque especial para a pedra Ametista, desde a localização da mina, passando pela extração das gemas, a lapidação até o produto final, a joia.

Oportunidade para o turista vivenciar o dia-a-dia do garimpeiro, do lapidário e das indústrias de transformação de pedras e joias, visitando as minas, oficinas, indústrias e lojas comerciais, e ainda: comprar joias, souvenirs, pedras preciosas e outros objetos nos próprios locais de visitação.

Não deixe de ver

- A igreja Matriz São Gabriel, com suas paredes revestidas bem como os adornos do altar com pedras de ametista e pia batismal composto de um único geodo. Além disso, oficina de lapidação de pedras preciosas e o Ametista Parque Museu, com exposição de pedras preciosas, galerias subterrâneas e loja de produtos derivados de pedras preciosas, em Ametista do Sul;

- A única mina de pedra calcita a céu aberto do mundo, em Frederico Westphalen;

Para comprar de produtos derivados de pedras preciosas visite o comércio de Ametista do Sul e Soledade.

- A cultura gaúcha associada a gastronomia: -apresentações artísticas, danças e o -churrasco gaúcho.

Abrir todas as rotas

Ametista do SulFrederico WestphalenIraíGuaporéLajeadoSanta Cruz do SulSoledadePorto Alegre

11- Rota do Litoral Norte

Os atrativos abrangem o ecoturismo com trilhas ecológicas nas encostas e cachoeiras da Mata Atlântica e Reserva da Serra Geral, a observação de aves no Parque Nacional da Lagoa do Peixe e o turismo de aventura (rapel, cascade, voo livre, balonismo, cicloturismo, escalada, rafting, sand board e cavalgadas). As 46 lagoas que compõem o cordão lagunar e a faixa litorânea proporcionam passeios e a prática de esportes náuticos, além do sol e mar. A região oferece, ainda, o turismo rural, incluindo visitas a engenhos, alambiques e casarios açorianos.

Não deixe de ver

- O processo de fabricação da rapadura, cachaça e farinha nos alambiques e moinhos antigos, bem como a colheita e centrifugação do mel, além do artesanato nos obertores de lã e em fibra de bananeira;

- E se deliciar com os pratos típicos açorianos, a lasanha de rapadura e outros à base de frutos do mar, como a tainha assada, a anchova, o peixe ao molho de mel, passando pelo tradicional churrasco;

- O cordão lagunar, rota de aves migratórias, e o parque das dunas paralelas à faixa litorânea;

- E pescar nas plataformas de pesca de Cidreira, Tramandaí e Xangri-lá..

- O Roteiro dos Bons Ventos, em Osório, onde se pode conhecer locais da Área de Proteção Ambiental do

Morro da Borússia, o Parque Eólico de Osório, a gastronomia e o artesanato local.

Abrir todas as rotas

Arroio do SalBalneário PinhalCapão da CanoaCapivari do SulCaraáCidreiraDom Pedro de AlcântaraImbéItatiMampitubaMaquinéMorrinhos do SulMostardasOsórioPalmares do SulTavaresTerra de AreiaTramandaíTrês CachoeirasTrês ForquilhasXangri-lá

12- Rota das Missões

Andar pelas Missões é reviver a saga dos jesuítas que, em 1609, atravessaram o mundo para conviver com os guaranis dentro dos princípios da fé cristã.

Não deixe de ver

- O Sítio Arqueológico São Miguel Arcanjo, local onde encontramos vestígios arqueológicos da redução de São Miguel Arcanjo, fundada pelos Padres Jesuítas e Índios Guaranis em 1687. Em 1938 foi declarado Patrimônio Nacional e em 1983 a UNESCO reconheceu como Patrimônio da Humanidade pela importância histórica e cultural que representa. O IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) - ligado ao Ministério da Cultura - é o responsável pela sua conservação e reservação;

- O Espetáculo "Som e Luz", através do qual é possível compreender como surgiram, desenvolveram e foram destruídos os 7 Povos das Missões. - Em cavalgadas e caminhadas, a riqueza cultural e natural da região, saboreando as tortas de Santo Ângelo.;

- Conheça São Borja, a Cidade dos Presidentes, a terra-mãe personalidades políticas e literárias da nossa história, além de registrar a arte arquitetônica, nas mãos de Oscar Niemayer, na Igreja Matriz São Francisco de Borja e no Mausoléu de Getúlio Vargas.

Abrir todas as rotas

BossorocaCaibatéCerro LargoDezesseis de NovembroEugênio de CastroGarruchosGiruáGuarani das MissõesMato QueimadoPirapóPorto XavierRoladorRoque GonzalesSalvador das MissõesSanto ÂngeloSanto Antônio das MissõesSão BorjaSão GabrielSão Luiz GonzagaSão Miguel das MissõesSão NicolauSão Paulo das MissõesSão Pedro do ButiáSete de SetembroUbiretemaVitória das Missões

13 – Rota Rio Uruguai

A Região oferece a prática do lazer náutico e pesca no Rio Uruguai, além de diversos eventos.

Em todas as cidades há características da colonização europeia predominando as etnias alemã, italiana, polonesa, russa e portuguesa, evidenciadas na gastronomia e nos costumes.

Não deixe de:

- Percorrer o roteiro Caminhos de Aventura, baseado em trilhas ecológicas, passeio de barco e visitação ao Porto Internacional de Porto Mauá;

- Aproveitar os balneários do Rio Uruguai nos municípios de Alecrim, Doutor Maurício Cardoso, Novo Machado, Porto Lucena, Porto Mauá e Porto Vera Cruz, os quais proporcionam passeio de barco, pesca e esportes náuticos;

- Conhecer Santo Cristo, com destaque para o Parque Lago Azul e agroindústrias e Santa Rosa, com o Museu da Soja, o Memorial da Casa da Xuxa e o Parque Fazenda;

- Visitar a maior produção de colheitadeiras da América Latina em Horizontina e Santa Rosa;

- Participar dos Circuitos de Pesca Esportiva, na modalidade pesque e solte, normalmente realizados entre os meses de fevereiro e setembro

Abrir todas as rotas

AlecrimAlegriaBoa Vista do BuricáCampina das MissõesCandido GodoiDoutor Maurício CardosoHorizontinaIndependênciaNova CandeláriaNovo MachadoPorto LucenaPorto MauáPorto Vera CruzSanta Rosa

14 – Rota Romantica

A Rota Romântica é um roteiro emocionante, com estrutura receptiva e diversos atrativos a oferecer ao turista.

As treze cidades que o compõem são o destino ideal para quem procura uma viagem diferenciada dentro do Brasil, com paisagens cercadas de vilarejos tranquilos e com culinária colonial. São vales, campos, cascatas e jardins coloridos, onde você percebe o quanto à natureza foi generosa com essa região. A arquitetura e a cultura refletem a predominante colonização alemã, com fortes valores culturais regionais. O folclore apresenta desde a cultura alemã até a essencialmente gaúcha. Possui uma economia bem diversificada, destacando-se em vários setores, desde calçados, produtos em couro e afins, até a indústria alimentícia, a moveleira, as confecções, a metalurgia, bem como o próprio turismo, de fortes características religiosas e rurais.

Época recomendada para visitar: nas festas municipais; durante o período natalino; no outono e no inverno, por ter um clima diferente de todo o país.

Não deixe de ver

- O Marco Zero da Rota Romântica em São Leopoldo;

- O Museu Frederico Scheffel, em Novo Hamburgo (Hamburgo Velho);

- O Núcleo de Casas Enxaimel da Feitoria, em Ivoti;

- O Parque Histórico Municipal Jorge Kuhn, visitando a SEDE da Rota Romântica;

- O Parque do Imigrante com seu artesanato e o Labirinto, em Nova Petrópolis;

- A Cascata do Caracol com seu teleférico, em Canela;

- As cachaçarias, as vinícolas, fábricas de chocolates e as malharias, ao longo da Rota Romântica;

- E saborear os tradicionais cafés coloniais;

- E participar de grandes eventos como: FIMEC (N.Hamburgo); Encontro de Motocicletas (Estância Velha);

Festival de Cinema e Natal Luz (Gramado); Natal dos Anjos (Dois Irmãos).

Abrir todas as rotas

CanelaDois IrmãosEstância VelhaGramadoIvotiMorro ReuterNova PetrópolisNovo HamburgoPicada CaféPresidente LucenaSanta Maria do HervalSão Francisco de PaulaSão Leopoldo

15 – Roteiro Ecomel

O roteiro contempla delícias feitas à base de mel, afinal, esta é a “Capital do Mel”.

O roteiro oferece tranquilidade no ambiente natural através da contemplação das dunas de areias, ondas, correntes e marés que formam o litoral gaúcho, com visitação do Largo Osso da Baleia, a Lagoa da Rondinha e o Lago Verde, onde está o monumento a Santa Rita de Cássia.

Além disso, é possível conhecer um pouco sobre a biodiversidade local, pois esta praia contém diferentes aves, répteis, anfíbios, mamíferos, crustáceos e moluscos e plantas e, ainda, praticar o sandboard ou esquidunas.

Não deixe de

- Praticar o sandboard ou esquidunas, ou seja, descer nas dunas utilizando uma espécie de prancha ou esqui;

- Fazer a vivência com apicultores na Vila do Mel onde se pode acompanhar a produção do mel e a retirada de um favo na colmeia.

- Percorrendo trilhas e observando pássaros no Parque Nacional da Lagoa do Peixe, em Mostardas

Abrir todas as rotas

Balneário Pinhal

16 – Roteiro Internacional do Ecoturismo

Uma viagem pela diversidade natural e pelo ecoturismo da Serra Gaúcha e da região dos Aparados da Serra. Este é o propósito do roteiro “Bichos do Brasil e Cânions do Brasil”, que busca propiciar aos turistas experiências de contemplação em dois dos mais belos destinos turísticos do Brasil: Gramado e Cambará do Sul (RS).

A proposta é convidar os visitantes a conhecer a diversidade natural dos bichos do Brasil, no Gramado Zoo, e depois conheçam também os exuberantes Cânions de Cambará do Sul, paredões de pedra, de milhões de anos, que contam a história da formação geológica do planeta e da separação dos continentes.

A divulgação conjunta dos dois destinos turísticos é uma forma de trabalhar também a importância da preservação ambiental mostrando que a natureza precisa ser respeitada e protegida.

Não deixe de

- Conhecer o Cânion Itaimbezinho, a grande estrela da região. É o cânion mais famoso e também um dos mais belos. Suas paredes medem 5,8 km de extensão, 720 metros de profundidade e 600 metros de largura. O nome é de origem tupi-guarani, alusivo aos antigos habitantes do local, e significa “ita=pedra” e “aimbé=cortada, afiada”, ou seja, pedra cortada ou pedra afiada.

- Realizar o Safári Noturno no Gramado ZOO, onde os visitantes podem observar espécies com hábitos noturnos, com lanternas em punho, admirando animais em recintos especialmente desenvolvidos para o bem-estar das espécies e com monitoramento de educadores ambientais.

Abrir todas as rotas

Cambará do SulGramado

17 –Roteiros Integrados da Quarta Colônia

Entre os verdes dos vales, várzeas e campos do Planalto e da Depressão Central, está situada a Quarta Colônia, Região Central do Rio Grande do Sul. Esta região de encontros preserva traços das tradições indígenas e as culturas vivas de portugueses, afrodescendentes e de imigrantes alemães e italianos.

Não deixe de ver

- Escalar ou realizar uma caminhada noturna nos 520m do Monte Grappa (todo iluminado), em Ivorá, que recebeu esta denominação por recordar o famoso monte de mesmo nome da Itália. No percurso, além das belezas naturais, há uma Via Sacra composta por 15 capitéis e culmina numa Capela em homenagem à Nossa Senhora Della Guardia;

- Percorrer o Caminho da Uva e das Águas envolvendo as comunidades de Val de Buia e Val Feltrina, em Silveira Martins, berço da Quarta Colônia. Oportuniza aos visitantes um contato com a natureza através das cascatas, balneários e belvederes que destacam a paisagem de morros e vales, além de visitar propriedades rurais caracterizadas pela tradição centenária de produção de uvas e onde é possível adquirir produtos coloniais como vinho, massas, cachaça, hortifrutigranjeiros, entre outros;

- Visitar o Centro de Pesquisas Genealógicas de Nova Palma, com acervo de mais de 50 mil nomes de imigrantes italianos. O local é referência para pesquisadores de todo o país e do Exterior e representa um belo trabalho de resgate das origens, memória e cultura do povo da região Central do estado;

- Visitar a localidade de Vale Vêneto, em São João do Polêsine, que preserva fauna e flora e que, em conjunto com o casario do entorno da Igreja Corpus Christi, compõem um belíssimo e típico cenário rural das comunidades italianas no estado.

Abrir todas as rotas

AgudoDona FransciscaFaxinal do SoturnoIvoráPinhal GrandeRestinga SecaSão João do Polêsine

18 – Rota Sabores e Saberes do Vale do Caí

Esta Rota apresenta opções para se conhecer um Rio Grande Colonial. São paisagens, cenários e eventos com sotaque característicos e sabores inigualáveis. O acesso é privilegiado pela curta distância da Capital e pela excelente malha viária.

No cardápio encontramos delícias como cucas, pães, bolachas, bolos, citros ecológicos colhidos diretamente do pé, degustar a cachaça, licores variados, moranguinhos produzidos na estufa, queijos acompanhados de vinho e da história da formação do Estado.

E ainda tem mais, muito mais, como a produção e beneficiamento de plantas, chás, elixires, fitocosméticos e fitoterápicos. Oferece ainda passeios de trenzinho e visita a uma gruta com escavações arqueológicas, pescar e andar de barco e, com agendamento prévio, é possível hospedar-se em locais acolhedores ou tomar um típico café da colônia.

Abrir todas as rotas

Bom PrincípioCapela de SantanaHarmoniaMontenegroTupandi